Segunda/Monday - Sexta/Friday (8:00 – 18:00 Hr)
+55 91 3201-7181
lasse@ufpa.br
Inauguração do Projeto CELCOM em Campo Verde

Amanhecer na ponte da Alça Viária sobre o rio Guamá. [Foto de Brenda Vilas Boas]

O nascer do sol do dia 22 de fevereiro de 2018 marcou o inicio de um novo tempo para o projeto CELCOM e para a Associação das Comunidades Remanescentes de Quilombo Nova Esperança de Concórdia do Pará (ARQUINEC). Foi o dia da inauguração do projeto CELCOM na comunidade de Campo Verde, que faz parte do quilombo ARQUINEC, a 40 km do centro de Concórdia do Pará.

Instalações do projeto CELCOM em Campo Verde e o presidente da ARQUINEC. [Foto de Brenda Vilas Boas]

Após 5 meses de trabalhos de implantação e legalização, o evento da Caravana CELCOM marca a entrada em funcionamento do primeiro módulo de telefonia comunitária do sistema GSM CELCOM, onde os comunitários podem efetuar chamadas locais e enviar SMS entre si. A Caravana CELCOM reuniu a equipe do projeto CELCOM e outros grupos da Universidade Federal do Pará (UFPA): os voluntários do Programa Especial de Treinamento Inclusivo (PETi) CELCOM, PETi Miritrônica, Ramo Estudantil IEEE UFPA Belém, e integrantes do Museu Interativo da Física (MINF) para levar ações de popularização da Ciência e Tecnologia para a comunidade quilombola.

 

Boas-vindas à Caravana CELCOM em Campo Verde. [Foto de Moacir Neto]

A recepção à Caravana CELCOM na comunidade de Campo Verde reuniu cerca de 50 pessoas, entre adultos, jovens e crianças. A extensa programação iniciou às 10h da manhã com as boas-vindas e distribuição dos participantes dentre as atividades oferecidas pela Caravana. O curso de inclusão digital foi ministrado pelos voluntários do PETi CELCOM, com o objetivo de familiarizar os jovens com a Internet e mostrar ferramentas de comunicação nesse ambiente. A palestra sobre Internet segura foi ministrada pelo Ramo Estudantil IEEE UFPA Belém como parte da programação do “Safer Internet Day” 2018 (SID 2018), com o objetivo de alertar para os perigos da Internet e promover o respeito on-line. A exposição de ciências foi feita pelo MINF, que apresentou os experimentos físicos da pilha, do telefone e do telégrafo para a comunidade. A palestra do PETi Mitrônica apresentou experimentos com a placa Arduino e cativou a muitos com o robô de miriti apelidado de Wall-TI (referência ao filme Wall-E). Também foi feita uma reunião do projeto CELCOM com as lideranças da ARQUINEC para instruir sobre o funcionamento do sistema, cuidados que se deve ter com os equipamentos e treinamento para cadastramento de usuários. O primeiro
módulo do sistema CELCOM foi inaugurado durante o encerramento da programação da Caravana CELCOM, quando foram efetuadas chamadas em viva-voz para testar o correto funcionamento do sistema.

Robô Wall-TI do grupo PETi-Miritrônica em apresentação em Campo Verde. [Foto de Shirley Ferreira]

Experimento da pilha em primeiro plano e do telefone em segundo plano. [Foto de Shirley Ferreira]

Reunião com os líderes da ARQUINEC para explicar o funcionamento do sistema de telefonia comunitária CELCOM da UFPA. [Foto de Adalbery Castro]

Treinamento para cadastramento de usuários no sistema de telefonia CELCOM [Foto de Brenda Vilas Boas]

O projeto CELCOM consiste de um conjunto de soluções tecnológicas abertas (open-source) e ações sociais para prover acesso à telefonia celular GSM (2G) e Internet para comunidades isoladas e esparsamente povoadas da região Amazônica. Além de ser um projeto de pesquisa com forte impacto social desenvolvido pelo Nucleo de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações, Automação e Eletrônica (LASSE), coordenado pelo prof. Aldebaro Klautau da UFPA, o CELCOM é um laboratório vivo para atividades de ensino de telecomunicações e computação, proporcionando aprendizado prático a alunos da UFPA e outras instituições.

O financiamento para o projeto piloto de Campo Verde foi proporcionado pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica do Pará (SECTET) e pelo programa “EPICS in IEEE”, da Fundação dos Engenheiros Eletrônicos e Eletricistas (IEEE) em Nova York. Também essencial para o sucesso do CELCOM têm sido as parcerias com: UFPA, Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Pará (PRODEPA), que auxilia na parte técnica e com enlaces para comunicação, Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL), que regulamenta o uso do espectro e orienta acerca, e a ONG Rhizomatica, a qual compartilha o know-how adquirido na gerência de redes comunitárias de telefonia no México e outros países, e a Prefeitura do Município de Concórdia do Pará, que possibilitou o transporte até a comunidade.

 

 

Caravana CELCOM na comunidade Campo Verde, ARQUINEC, Concórdia do Pará. [Foto de Moacir Neto]

Participaram da Caravana CELCOM:

Equipe do Projeto CELCOM do LASSE / UFPA:

Aldebaro Klautau, docente da UFPA
Adalbery Castro, docente da UFPA
Brenda Vilas Boas, COO
Caio Bentes
Emerson Junior
Francisco Müller, docente da UFPA
Lauro de Castro
Marcus Dias, CTO
Moacir Neto
Shirley Ferreira, Coordenadora da Caravana.

Volutários do Projeto PETi CELCOM:

Felipe Reis
Yuri da Silva
Ana Luiza Botelho

Voluntário do PETi Miritrônica

Felipe Bastos

Museu Interativo da Física (MINF):

Jocasta Caldas
Carlos Eduardo Martins

Ramo Estudantil IEEE UFPA Belém

Shirley Ferreira
Lorena Freitas